quarta-feira, 8 de julho de 2015

GREVE CONTINUA NA UERN; PROPOSTA É REJEITADA

Professores da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) rejeitaram, em assembleia extraordinária realizada na manhã de hoje, a proposta enviada pelo Governo do Estado e Reitoria da instituição. Previa um reajuste de 12,053% para todos os docentes ativos, através de auxílios ainda não especificados.

A proposição determinava que os valores reivindicados pela categoria seriam devidamente concedidos, através de auxílios, o que impediria que a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) barrasse a medida. A proposta, porém, excluía os docentes aposentados, que não seriam contemplados com o realinhamento.

A Reitoria também apresentou uma planilha para os docentes, onde apresenta os valores para investimento na universidade, além de mostrar o andamento das obras e melhorias estruturais previstas na pauta de reivindicações da categoria. O documento, não se compromete porém com pontos fundamentais das exigências, como a realização imediata do concurso público na Uern.

Carlos Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário