quinta-feira, 10 de setembro de 2015

REGIÃO OESTE RECEBERÁ TRÊS NOVAS LINHAS DE ALTA TENSÃO INTERLIGANDO MUNICÍPIOS

A Região Oeste Potiguar irá receber três linhas de distribuição de alta tensão (69 KV), interligando a Subestação Mossoró II (Chesf), às Subestações de Baraúna, Dix-Sept Rosado e fábrica Mizu no município de Baraúna; a construção de novos alimentadores de média tensão (13.8 kV) nas Subestações Mossoró I e Mossoró III e a construção de uma nova Subestação localizada no município de Campo Grande.

De acordo com a Energética do Rio Grande do Norte (COSERN) As novas linhas de distribuição possibilitarão um atendimento com maior confiabilidade, beneficiando mais de 50% dos municípios supridos pelo sistema elétrico da região Oeste.

Adicionalmente, será construída uma Subestação no município de Campo Grande que proporcionará melhor qualidade no fornecimento de energia aos consumidores dos municípios de Campo Grande, Paraú, Triunfo Potiguar e Janduís.

Toda a região Oeste receberá investimentos de aproximadamente R$ 64 milhões, dos quais R$ 38 milhões destinados mais especificamente aos municípios de Mossoró, Baraúna, Governador Dix-Sept Rosado, Upanema, Serra do Mel, Areia Branca, Grossos, Tibau e municípios circunvizinhos. Até o final deste ano a Companhia Energética do Rio Grande do Norte (COSERN) aplicará R$ 198 milhões no reforço, melhoria, modernização e expansão do sistema elétrico potiguar, Projetos de Pesquisa e Desenvolvimento (P & D) e inovações tecnológicas.

A distribuição dos recursos está dividida em quatro grandes blocos: aproximadamente R$ 127 milhões são destinados à expansão e renovação da rede de distribuição de energia elétrica e novas ligações; cerca de R$ 44,5 milhões estão direcionados à expansão e melhorias do sistema de transmissão de energia elétrica; em torno de R$ 22 milhões são aplicados em instalações gerais, destacando-se a renovação da frota de veículos e a modernização do sistema de automação e telecomunicações e aproximadamente R$ 4 milhões investidos em projetos especiais de combate às perdas.

Desta forma, cerca de 90% do valor global do investimento previsto para este ano, ou seja, R$ 177 milhões são direcionados às redes elétricas e subestações da Cosern, com a construção de novas linhas de transmissão, subestações, alimentadores, redes de média e baixa tensão e expansão/modernização da automação, aumentando a confiabilidade e a qualidade do sistema elétrico da concessionária em todo o Estado.

Mossoró Hoje

Nenhum comentário:

Postar um comentário