terça-feira, 4 de abril de 2017

CORDEL: MINHA CIDADE

Governador Dix-Sept Rosado,
Ex Vila São Sebastião,
também foi Sebastianópolis,
antes da emancipação,
passagem de Pedro passou,
e a cidade evoluiu,
daí nasceu "Dissé Rosado",
um lugar abençoado,
num cantinho do Brasil.


Jà teve nome de santo,
E também já foi passagem,
Foi uma vila pequena,
E serviu de hospedagem,
Para família Rosado,
A quem o nome faz homenagem.

A nossa cidade é boa,
Também é bem natural,
A maior renda que temos,
Vem da produção do cal,
E o nosso maior encanto,
Está na zona rural.

É lá no sítio Bonito,
Que está localizado,
A obra da natureza,
Que nos deixa encantado,
O poço feio, que é lindo,
E que é bem visitado.

A nossa cidade tem,
Um povo bem humorado,
Temos artistas de rua,
Temos poeta inspirado,
Temos de tudo um tiquim,
O nosso povo é assim,
Pense num povo danado.

Como toda cidade pequena,
Que fica no interior,
Podemos ver muitas "brigas",
Aqui em governador,
A política é quem predomina,
Tem homem, mulher e menina,
Brigando por um favor.

Parabéns "Dissé Rosado"
Do fundo do coração,
Que possam vir muitas bençãos,
Que não falte oração,
54 anos de história,
Foi toda uma trajetória,
Obrigado são Sabastião.

Tem ginásio poliesportivo,
Tem quadra de Futsal,
Não só aqui dentro da rua,
Mas também na zona rural,
Os times são entrosados,
Pense nuns cabas danados,
Pense num caba legal.

Pra encerrar o meu verso,
Nem tudo vou te contar,
Pois aqui nesse cordel,
Eu quero lhe convidar,
Se vc não conhece nossa cidade,
Chegue correndo pra cá,
Que além de conhecer,
Você vai se apaixonar.

Autoria: VEREADOR EDJÚNIOR.

Nenhum comentário:

Postar um comentário